sexta-feira, 19 de abril de 2013

Novos trilhos...

36 comentários:

  1. Aventura!! :))
    (Cuidado, tá??)

    ResponderEliminar
  2. Vera, a Loira a pensar: "Descida perigosa? Isto não é para meninas, por isso oupa, vamos lá descer"
    Hahahaha, é +/- isto não? Hahahah :b

    ResponderEliminar
  3. Deve ser uma descida assustadora eheh

    ResponderEliminar
  4. Ainda na senda dos anónimos.
    Fantástico! Impressionante! Que comentários de altíssima qualidade, de profunda imaginação.
    Medo, uiiii!
    Ai!! Eu não ia por aí!
    Boa!
    Aventura!
    Devagar!
    Oh mulher, P!
    etc, etc e tal e o que ainda falta vir.
    Profundeza de imaginação,
    sem fundo, belíssimo descritivo expresso na mais vasta, prodigalidade de palavras mas, tudo bem. São bloggers registados e muito educados e assim sim, são comentários de mérito. Que nada tragam e menos acrescentem algum valor, não é relevante. Importante é vedar o acesso aos anónimos, gente tenebrosa, deliquentes à solta, malfeitores cadastrados, depreciativamente catalogada de gentinha sem vida própria, invejosos de quem tem um blog, como se isso fosse privilégio só concedido a alguns eleitos de Deus.
    No entanto, e para vossa eterna humilhação, brilhantes senhoras, pelo que aqui me foi dado ver só a escrita anónima traz valor acrescentado ao blog. A este ou a qualquer outro.

    ResponderEliminar
  5. Ui, força nisso =)

    Lá se vão os ténnis lindinhos e novinhos e lavadinhos :P

    Beijocas

    ResponderEliminar
  6. Anónimo,

    Compreendo o teu ponto de vista, aliás, já foi discutido no post lá de baixo, mas não posso permitir que critiquem os comentários dos meus leitores e que se entre na mesma discussão em todos os posts, porque, como sabes a responsável do post anterior sou eu, autora do blog e não os meus leitores e comentadores com ou sem perfil criado.

    ResponderEliminar
  7. medoooooooo =S

    =D
    corajosa =D

    Bjs*

    http://se-tu-saltas-eu-salto.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  8. Tal e qual como tu gostas não é?
    Bjs e bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
  9. As vezes vale a pena arriscar.
    Beijinhos grandes.

    ResponderEliminar
  10. adorei, arriscar sempre

    http://couturetrend.blogspot.it/

    ResponderEliminar
  11. E a vida acontece quando saímos da nossa zona de conforto, não é? :)

    Um beijinho*, Vera :)

    ResponderEliminar
  12. Parece o futuro do nosso país...
    Beijinho

    ResponderEliminar
  13. A última vez que me meti numa bicicleta numa "descida perigosa" voei da bicicleta num belíssimo mortal pelos ares, caí em cima de uma roseira, "estrupiei-me" toda e jurei para nun-ca-ma-is. Estas aventuras não são para mim, sou uma quitter e uma pussy logo à partida! ahah beijinhos e bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  14. Por aqui...the same...bom percurso! :)

    ResponderEliminar
  15. Oh Vera burra mas desde quando aqueles comentários abaixo de um anónimo se dirigem aos teus leitores?Que eu saiba,o alvo és tu XD

    ResponderEliminar
  16. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  17. Ó Vera. Estou apaixonado por ti porque és uma gaja educada e porreirona. A sério, pá! Queria mesmo muito conhecer-te porque eu também sou um gajo porreiro.
    Pronto, já disse!
    Anónimo de coração puro.

    ResponderEliminar
  18. Arrepiante!

    Aposto que para ti é excitante!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  19. ò Vera, sinceramente, já alguma vez te aconteceu caires da bina e ires por ali abaixo de cú a raspar no chão? Sempre que vejo estas tuas fotos fico preocupada.

    ResponderEliminar
  20. zorro, o versejeiro21 abril, 2013 01:19

    Novos Trilhos Novos brilhos
    Existirão por outros caminhos
    Deixa por momentos a bicicleta
    Não tomes só a pedalada por certa
    E pedalando sem descanso
    Deixarás o coração em remanso

    Perderás, um amor porventura
    Só a Bicla não é aventura
    Onde está o tempo para namorar
    Mesmo quando só seja a brincar
    Deixa a Bicla e vai amar.

    Vem a propósito do que vi por aqui
    De um coração esganado por ti.
    E então? Que tens tu com isso?
    Nada! Nem criar reboliço,

    Soltou-se-me a imaginação
    E ao apaixonado dou razão.
    Deixa a bicicleta para o lado
    E vai dar um beijo ao enamorado.

    Quem sabe o que o destino te reserva
    P'ra já, deixas de pedalar pela selva
    Responde ao teu anónimo apaixonado
    E viverás num palácio encantado

    Por isso não vás em cantigas
    Muito menos ouças as tuas amigas
    Manda a bicicleta às urtigas
    E da vida escutarás, as mais belas melodias.

    E para evitares torpes mentiras
    E ainda mais infames intrigas
    Cerra bem tuas cortinas.
    :)


    ResponderEliminar
  21. Ui,até faço inveja aos outros anónimos,tudo graças a ti Vera.

    ResponderEliminar
  22. Toma cuidado, Vera, que os teus cabelos loiros não condizem com as pisaduras. :-P

    ResponderEliminar
  23. Caramba,

    Os anónimos não folgam ao fim-de-semana? Pensava que tinham mais que fazer, eu fui andar de bicicleta, não posso estar sempre disponível para vós, apesar de agora sim, ter anónimos daqueles, como devem de ser.


    Pergunto, há anónimos de coração puro, é que assim de repente, logo pela manhã até me assustei.


    E Zorro,
    Faz-me lá outro poema mas agora, por favor, não me mandes largar a bicicleta, isso nunca. Não fosse isso estavas quase a ser o meu anónimo preferido.

    ResponderEliminar
  24. Chegaste inteira :P Eu não chegava, de certeza ;)

    ResponderEliminar
  25. A descer andamos nós há muito... quando é que começamos a subir?
    :)

    ResponderEliminar
  26. São esses trilhos que nos fazem sentir vivos certos?

    Força linda!!!!

    ResponderEliminar
  27. Atenção para os lugares onde andamos..Abraços.Sandra

    ResponderEliminar

Aqui não há censura...