terça-feira, 28 de dezembro de 2010

A minha prima Mónica...

Dizem que a Mónica é a pessoa mais parecida comigo fisicamente que conhecem, embora eu não concorde muito, ao longo da minha infância e adolescência muitos nos perguntavam se éramos irmãs. A Mónica tem uma das histórias de amor mais bonitas e conturbadas que eu já assisti (talvez um dia destes vos conte) e por causa desse lindo amor está a viver nos Estados Unidos. Durante a sua permanência por lá falamos muitas menos vezes do que aquelas que gostaríamos, mas estou já habituada a ter de tratar dos assuntos da Mónica, por cá. A Mónica veio cá passar o Natal e desta vez não foi excepção: não contar a ninguém que ela vinha, não contar principalmente à mãe dela, ela chega num dia, afinal o voo foi cancelado, ela chega no outro dia, afinal é melhor contar à mãe, o desembarque agora é em Lisboa, a tia de Leiria vai buscá-la, vai embora na noite da passagem de ano, perderam as malas dela, as malas chegam no dia seguinte ao Porto, afinal não chegaram, o telemóvel dela ficou sem bateria, o carregador estava na mala, não sabe os números, precisa de um documento do Mike que não chega, liga-me aos gritos e em pânico quando afinal só queria um computador com internet e com impressora a cores, mando-a vir ter comigo ao meu trabalho, ela chega. Não me vê há dois anos e meio e quando entra na porta do escritório só pergunta quem é o homem que estava lá em baixo de olhos azuis que lhe disse onde me encontrar, era o chefe. Mas... ou aquilo foi do jet lag ou ela por lá anda a comer qualquer coisa com muitas hormonas, começo a ficar preocupada.

36 comentários:

  1. óóóó Vera,

    Já agora por curiosidade podias por a foto do dito senhor de olhos azuis ehehehehe

    ResponderEliminar
  2. Realmente, agora até fiquei curiosa para ver os olhos azuis do senhor :D

    ResponderEliminar
  3. E eu também posso conhecer o chefe???

    E ja agora, sempre conseguiram fazer a surpresa ou não?

    Complicada essa surpresa, aposto que te tirou anos de vida :)

    ResponderEliminar
  4. Se a tua prima veio para Lisboa... porque é que a mandas-te embora??!
    O pessoal de Lisboa tratava dela... :P

    beijo
    Sutra

    ResponderEliminar
  5. Já estou como elas na curiosidade acerca dos olhos azuis... :)

    ResponderEliminar
  6. Ui que confusão... 8) Mas no final de contas, deve ter sabido muito bem tar com a prima Mónica!! 8)

    Bjinho*

    ResponderEliminar
  7. Bom, mas afinal: a prima Mónica chegou bem, pelos vistos, que o mais importante é estarem todos juntos nestas datas e o resto resolve-se. E a surpresa à tua tia, fez-se ou não se fez?
    (Ah, e os olhos azuis... pois, também gostava de ver!)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Hum... tens uma prima atenta ao machame, portanto.

    ResponderEliminar
  9. Colocas umas lentes de contacto azuis... lol

    ResponderEliminar
  10. Olhos azuis... não dão hipótese. Eu tinha um prof do mais odioso que possam imaginar mas com uns olhos azuuuuis que durante 3 anos se tornaram na única forma de eu conseguir olhar para ele ;D

    ResponderEliminar
  11. A tua prima é um espectáculo ... apesar de tudo o que lhe estava a acontecer ainda teve tempo para micar o chefe gato...grande mulher!

    ResponderEliminar
  12. Não admira que se chame Mónica.beijos

    ResponderEliminar
  13. Wow tanta confusão :o

    Obrigado pelo comentário *

    ResponderEliminar
  14. muito bloqueio ao regresso (desembarque num local diferente, perda de malas, telemóvel não deixa comunicar...). a Mónica já não está bem nos EUA. e o Mike agoirou a coisa...

    ResponderEliminar
  15. Pelo menos a tua prima chegou! fico contente! bjs

    ResponderEliminar
  16. Bem que pilha de nervos que a Mónica apanhou!

    ResponderEliminar
  17. é preciso ter prioridades ate num cumprimentos! ela depois perguntou pela saudinha, nao duvido, mas perspicaz como deve ser foi logo ao ponto da questão! :P

    ResponderEliminar
  18. Conheço uma Mónica que é uma autêntica depravada. :)
    Não eras a Vera, a Loira? Viraste fera, é? LoL.

    ResponderEliminar
  19. LOL Sabes que a América muda as pessoas.
    Beijoca.

    ResponderEliminar
  20. Diz-se que um azar nunca vem só...!

    Mas mudando de assunto, que saudades me deu agora daqueles livrinhos de B.D. da "Mônica e Cebolinha"...

    Bjito :)

    ResponderEliminar
  21. Devem ser os ares dos States!! :)

    ResponderEliminar
  22. QUE GRANDE ALVOROÇO!!! PARECE UMA COMEDIA...

    GOSTEI ....ESTÁ CURIOSO!!! OS OLHOS DO CHEFE SÃO

    DA MESMA COR DOS MEUS...:)

    BOA PASSAGEM DE ANO

    ResponderEliminar
  23. pois é bonito, quando sabemos lidar com ele. o que muita gente não sabe, daí, dizerem que não vão amar mais e essas tretas todas.

    ResponderEliminar
  24. grande alvoroço sem dúvida como dias o pedrasnuas, por isso, se isso assim continuar começo é a preocuar-me contigo:)

    ResponderEliminar
  25. Mas menina, que confusão, mas no final tudo se resolveu, mas e ai e o susto ao vê-la, e que tal são esses olhos que nos deixou curiosas, Belo blog amiga beijos no coração.

    ResponderEliminar
  26. Antes de mais, não, não vos posso mostrar os olhos do chefe, se querem conhecê-lo venham cá que eu deixo e ele agradece. Risos...


    Sutra,
    Isso querias tu... LOL


    Túlipa,
    A susrpresa à minha tia não se fez porque com a confusão tivemos que lhe contar, mas acho que foi melhor assim, já viste o que é entrar-lhe uma filha loira e cheia de hormonas pela porta dentro.


    António,
    Oh... que pessimista. Tadinha da Mónica.


    Elemento Musical,
    Já quando era Loira eu era uma Fera. Ui... que isto saiu-me tão bem.

    ResponderEliminar
  27. D. João,
    Sabes que eu hoje roubei umas horinhas ao senhor de olhos azuis e fui ler os blogues em atrso, agora estava aqui a pensar, "falta-me o João, falta-me o João" e puf... fez-se o chocapic. Não, apareceste tu. Não é tão giro???

    ResponderEliminar
  28. LOOOOL sabes que também pensei em hormonas?!?
    Definitivamente que se fosse comigo, essa frase não seria a primeira! Quando não vejo as pessoas há algum tempo, esqueço-me de tudo o que está á volta :)

    beijocas

    ResponderEliminar
  29. Ah! Óptimo! A rapariga sai à prima! :P

    ResponderEliminar
  30. Guida,
    Pois... eu sou mais como tu.


    Malena,
    Não, eu sou uma gaja cheia de saudades, acredita que nem ía reparar em mais nada.

    ResponderEliminar

Aqui não há censura...