terça-feira, 20 de março de 2012

...

"Acreditei que o beijo, enquanto linguagem universal deveria conter todas as palavras que precisavam ser ditas. Beijei-o para não ter de falar."

João Morgado
In: Diário dos Infiéis

25 comentários:

  1. Risos... uma excelente maneira de dar a volta ao «texto» ;)

    ResponderEliminar
  2. O beijo escreve mil segredos.

    ResponderEliminar
  3. Por vezes vale mais do que mil palavras :)

    ResponderEliminar
  4. Uma bela frase. O valor de um beijo é assim. :)

    ResponderEliminar
  5. Uma bela frase. O valor de um beijo é assim. :)

    ResponderEliminar
  6. um beijo pode dizer tudo, mas não chega. Se fosse suficiente, éramos todos surdo-mudos e só nos beijávamos uns aos outros. Agora lembrei-me, quem comunica assim são as formigas, não através de beijos, mas de quimicos que vão passando umas às outras.

    ResponderEliminar
  7. Olá, desafiamos-te a escrever uma história para fazer parte do nosso livro. Estamos mesmo mesmo a começar, faz parte deste projecto ♥

    ResponderEliminar
  8. verdade. um gesto dispensa palavras.

    ResponderEliminar
  9. É a vontade que me dá as vezes...mas depois vêm as consequencias desse beijo :P

    ResponderEliminar
  10. É caso para dizer que um beijo vale mais que mil palavras :) Magnifico parágrafo.

    ResponderEliminar
  11. Obrigado pelo destaque às minhas palavras... podem seguir outros excertos do livro através do (incontornável) Facebook...
    cumprimentos
    João Morgado

    ResponderEliminar
  12. Já substituí a fala muitas vezes por beijos, mas eu também gosto de uma boa conversa, confesso.

    ResponderEliminar
  13. eu acho que sou das que desabafa tudo e só depois é que beija....
    :)
    não consigo conter....

    ResponderEliminar
  14. Belle du jour,

    Eu também, ainda mais desde que veio pessoalmente comentar ao meu blog (mais acima)

    ResponderEliminar

Aqui não há censura...