segunda-feira, 16 de abril de 2012

O céu não é o limite...

Não é aconselhável fazer BTT sozinha, há sempre risco de uma queda grave ou de ficar perdida no meio do monte por isso normalmente vou sempre acompanhada. Por cá ando sempre entre amigos, o que é muito divertido. Nas maratonas, como cada um tem o seu ritmo, fico sozinha (dos meus), mas com uma multidão em redor, costumo dizer que vou a travar novos conhecimentos porque vou falando com uns e com outros (não sou nada tímida). Ontem fiquei completamente sozinha durante vários Km, pedalava ao ritmo da música que tocava no MP3, subi tão alto que me parecia que podia tocar o céu, respira-se melhor lá em cima, a paisagem cá em baixo era magnífica, o facto de andar tanto tempo sozinha no meio da natureza deu-me uma sensação de liberdade e de poder incrível. Há momentos em que o mundo nos cabe no coração e o céu não é o limite...

26 comentários:

  1. Tão...equiparado com a minha Corrida!

    A pedalar não sei nada do que falas, mas a correr, sinto tudo igual, ah! com excepção do MP3, eu corro a ouvir mesmo só o que me rodeia

    ResponderEliminar
  2. Isso é verdade, mas não contes comigo para o BTT:)

    ResponderEliminar
  3. E tão bem que sabe sentir-mo-nos assim :)

    ResponderEliminar
  4. cruzes... que dificilmente aguentarei fazer uns quilómetros contigo...

    ResponderEliminar
  5. Haja vontade, é preciso gostar mesmo de pedalar, mas sentir a natureza é muito bom:)

    ResponderEliminar
  6. Ador :) só quem passa por esses momentos é que sabe descreve-los.

    ResponderEliminar
  7. E é tão bom quando nos sentimos assim! E, muitas vezes, o melhor remédio para qualquer mal é esse mesmo: irmos, por aí fora, sozinhas, com garra e ver as maravilhas ao nosso redor!

    Um beijinho *

    ResponderEliminar
  8. Só tenho pena de não ter €€€€€€ para comprar 1 "maquinão" :)

    ResponderEliminar
  9. A liberdade que descreves,o encontrareste-te contigo própria, dã-me que pensar. Temos tendência para complicar e a vida encontra-se, no seu esplendor, nestes pequenos nadas.
    Continua a pedalar, faz-te feliz e fico feliz por ti.
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  10. Isso de pedalar é um passatempo teu ou é mesmo o desporto a tua profissão?! o meu filho quer seguir desporto...
    deve ser gratificante chegar lá a cima e sentir que superaste a prova!
    :)
    bjs

    ResponderEliminar
  11. Deve ser uma sensação maravilhosa!!

    ResponderEliminar
  12. Estrela,

    É só um passatempo, mas que adoro muito.

    ResponderEliminar
  13. Só pela tua descrição imaginei-me tu, a pedalar, a sentir o vento bater na cara e tocar o céu...que boa sensação!

    ResponderEliminar
  14. Só pela tua descrição imaginei-me tu, a pedalar, a sentir o vento bater na cara e tocar o céu...que boa sensação!

    ResponderEliminar
  15. Olá menina, deixei-te um desafio no meu blog, não sei se gostas destas coisas mas ia adorar se respondesses.

    Beijinho Evy

    e boas pedaladas.

    ResponderEliminar
  16. Apesar de não fazer BTT, mas por vezes vou correr e adoro estar só eu e o meu MP3, é uma sensação espectacular :)

    ResponderEliminar
  17. oh eu não sei o que isto é e mesmo assim a ler parece que senti algo no coração :)

    ResponderEliminar
  18. Nunca experimentei pedalar com um MP3, a sensação que tenho é de que ouvir as rodas a resvalar e a levantarem pedras é essencial para a nossa segurança, sobretudo nas descidas. Mas se calhar estou enganado :)

    ResponderEliminar
  19. Ness,

    Quando pedalo com os meus nunca uso MP3 porque vamos na conversa e porque eles avisam de facto do perigo nas descidas e do transito, quando é o caso. Nas maratonas uso sempre, coloco só um phone em tom médio baixo, consigo ouvir a música e consigo perfeitamente ouvir o ambiente que me rodeia e as outras pessoas. Quando quero "travar um novo conhecimento" é só tirar o phone.
    Agora uma informação, no ciclismo profissional a música é considerada um estimulante, logo é proibida.

    ResponderEliminar
  20. 'Há momentos em que o mundo nos cabe no coração e o céu não é o limite...', adorei esta tua frase de tão verdadeira que ela é. Depois do céu, há estrelas e os sonhos que nós guardamos :)*

    ResponderEliminar
  21. Deve ser uma sensação de tranquilidade incrível :)

    ResponderEliminar
  22. "Há momentos em que o mundo nos cabe no coração e o céu não é o limite..." - A frase não poderia estar mais que perfeita

    ResponderEliminar
  23. Parabéns pela vida que das as tuas postagens realmente saber escrever tem arte magia e é agradável ler!!!
    Continua com esse espirito.
    Comprimentos desportivos.

    ResponderEliminar

Aqui não há censura...