quinta-feira, 9 de outubro de 2014

A importância do nome

Quando comecei este blog não percebia nada disto, dos blogs. Se tivesse feito pesquisas de mercado, se tivesse ponderado o assunto, se tivesse demorado mais de cinco minutos entre o pensamento de ter um blog e lhe dar existência nunca lhe chamaria Também quero um Blog. Deveria ter-lhe dado um nome marcante, sonante, um nome que despertasse as atenções de um público alvo. Se tivesse lido meia dúzia de blogs que fosse antes de fazer nascer o meu, saberia que o nome tem de dizer algo considerável sobre nós. Se tivesse passeado pela blogosfera antes de iniciar esta caminhada saberia a importância dos nomes, saberia a atenção que o nome pode despertar nos feeds, saberia as centenas de visitas e de visualizações de páginas que o nome nos pode oferecer. Imagino-me agora com um: A nacho picante com mais molho de queijo; Misturo tudo em gelado (excepto azeitonas); A pedalar se vai ao longe; Leituras a 50 páginas por hora; e agradeço ser impulsiva o suficiente para inventar um blog em cinco minutos, só porque sim, porque Também quero um blog.

15 comentários:

  1. Ahahahahah...exato...entendo-te:) Pois olha não te troco:)...achas que alguém liga alguma coisa a "Suricate":))))) jinhoooooosssss

    ResponderEliminar
  2. Se tivesse pensado muito o Mirone nunca teria visto a luz da bloga.

    ResponderEliminar
  3. Eu inspirei-me no livro que tinha acabado de ler. Também não houve grande reflexão. :D

    ResponderEliminar
  4. Já eu, que era a mais nova lá do outro escritório, tinha uma invejosa de uma colega que um dia me disse: e tu, o que é que pensas? lá porque és mais nova não quer dizer que não sejas uma Uva Passa.
    Pronto.

    ResponderEliminar
  5. isso do nome é verdade. eu devia ter feito um esforço ainda maior. agora, carrego este, como um autêntico carrapato.

    ResponderEliminar
  6. Eu acho "Também quero um blog" marcante, porque é original!

    ResponderEliminar
  7. Acho que lhe deveria ter chamado "a Pipoca de bicicleta"
    Não é verdadeiramente original?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como??? Como é que não pensei nisso???

      Eliminar
  8. Olha, por acaso gostei logo do nome do teu blog. Talvez por ter sido assim, genuíno, sem pesquisas de mercado nem fito nos feeds. E continuo a gostar. :-) Beijinho, Loira.

    ResponderEliminar
  9. Acho o nome do teu blogue bastante apelativo.

    ResponderEliminar
  10. Os nomes dos blogs só têm importância antes de se conhecer o conteúdo, depois... nada disso importa :)

    ResponderEliminar
  11. Eu gosto do nome. E gosto do blogue.

    ResponderEliminar
  12. O meu foi +/- na mesma onda =P

    Beijocas

    ResponderEliminar
  13. Eu nem pensei...coloquei o meu apelido com um apóstrofo, pois uma boa parte da família queria participar e depois...fiquei apenas eu!!!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  14. Também gosto muito do nome do teu blog...
    Quanto ao meu, são resquícios dum outro que tive...

    ResponderEliminar

Aqui não há censura...