quarta-feira, 4 de julho de 2012

We'll Always Have... Blogosfera...

Por vezes adormecem-nos as paixões. Fica o livro durante dias e dias, por vezes meses, pousado como quem espera pacientemente, pela hora em que alguém lhe vai ler aqueles últimos capítulos de uma história já esquecida no meio de tantas outras bem mais reais que nos ocupam os dias. Fica o blog ao abandono sem ninguém para lhe preencher as "páginas" e para lhe dar vida, porque há tantas outras páginas para preencher. Confesso que várias vezes, por falta de tempo, por falta de inspiração pensei abandonar o meu blog definitivamente, apagar tudo e seguir com a vida sem esta minha parte, nunca tive coragem de o fazer. Confesso que por me ter apresentado a algumas pessoas do blog e por ter apresentado o blog a algumas das minhas pessoas há dias em que o blog não me serve para nada porque não posso escrever exactamente aquilo que quero, dá-se um jeito e escreve-se com duplo sentido, ninguém percebe a volta que quis dar ao texto e no fim escrevo exactamente aquilo que sinto. Por mais dias que passem, sejam semanas, sejam meses com esta minha paixão adormecida chega o dia em que a vontade de dar letras aos sentimentos e de descrever estados de alma através das teclas fala sempre mais alto. Por mais dias que passem sem pegar no tal livro chega o dia em que fico até de madrugada e não consigo adormecer sem terminar a última linha do último capítulo, sem saber o destino das personagens e imaginar-lhes um sorriso de despedida. Por vezes adormecem-nos as paixões, felizmente vocês estão sempre cá para mim, agradeço por isso, imagino-vos o sorriso.

20 comentários:

  1. Eu sorri ao ler este teu post :)

    ResponderEliminar
  2. Eu também sorri!
    Mesmo que as páginas fiquem em branco durante algum tempo, se elas forem preenchidas novamente, ficarei feliz!
    Nem pense em nos abandonar, minha querida :)

    ResponderEliminar
  3. Mais importante que tudo, Vera, é nunca sentires que estás a fazer um sacrifício para o manteres :)

    ResponderEliminar
  4. Ora nem mais.
    Sei bem o que queres dizer com "por ter apresentado o blog a algumas das minhas pessoas há dias em que o blog não me serve para nada porque não posso escrever exactamente aquilo que quero" acontece-me imensas vezes o mesmo. mas tal como tu dou voltas ao assunto, coloco algo desviado que no fundo é o pretendido. Coloco um lado sarcástico na história e ninguém repara lol.
    Tal como tu já pensei desistir do blog, apaga-lo, esquece-lo e ficar por aqui em mais uma etapa, mas não consigo.
    Isto já é quase um vicio. E por mais que me afaste durante dias ou meses, acabo por voltar (como já antes aconteceu).
    Volta sempre e continua a história que deixaste a meio.
    Eu vou estar cá para te ler e sorrir =D

    Bjs* minha querida

    ResponderEliminar
  5. Acho que toda a gente que tem blog já pensou em algum ponto do seu percurso apagá-lo ou abandoná-lo. Normalmente quando eu sinto isso afasto-me durante alguns dias e a paixão volta ;)

    Entendo o que queres dizer com a questão de não poderes dizer o que pensas, mas é algo que trazemos sobre nós próprias quando contamos a pessoas conhecidas ;) E apesar de haver essa desvantagem também há inúmeras vantagens ;)

    Beijinhos e tem um bom dia :D

    ResponderEliminar
  6. A blogosfera é um canto simpático. :)

    ResponderEliminar
  7. às vezes também penso o mesmo, mas depois sinto uma certa dependencia e o retorno é tão bom... ainda bem que não nos abandonaste. Bj**

    ResponderEliminar
  8. Ainda bem que continuas aqui com o teu blog :)

    ResponderEliminar
  9. :D -> o meu sorriso.
    Não te vás embora, Vera ;) Podes deixar-nos alguns dias ou semanas com saudades tuas, mas "para sempre" não achas que é um 'cadinho de mais? :p

    ResponderEliminar
  10. Sinto exactamente o mesmo!! Mas regresso sempre... :)

    Beijooooooooooo

    ResponderEliminar
  11. Como te compreendo e às vezes sinto o mesmo, mas sei que em parte o blogue já faz parte da minha rotina, mesmo que deixe de lá escrever por uns dias, ou deixe de visitar blogues e comentar, sei que me desfazer dele não seria solução, iria mais tarde sentir a falta do meu cantinho e de pessoas e palavras que me confortam quando lá passam. Por isso, demore o tempo que demorar, vem quando sentires necessidade para tal, sem que tenha de ser uma obrigação e o mais importante desfrutar deste Mundo que é a Blogosfera :)

    ResponderEliminar
  12. Entendo perfeitamente o que sentes...e muitas vezes também tenho essa vontade.

    ResponderEliminar
  13. espero que mesmos "adormecida" por vezes continues por cá :)

    ResponderEliminar
  14. Eu estive meio ano sem escrever, agora a vontade anda a voltar ;)

    ResponderEliminar
  15. Ó Vera,nem pensar em abandonar isto!E depois quem vai lá ao meu blog,defender a pipoca?Quem é que me deixa impressionada como tu?Que anda de bike em cima do corpinho a subir montanhas e que anda em cima da bike a descer vales e a passar ao lado de vacas com tão bom aspecto?Pois,fica lá mas é sossegadita e continua....

    ResponderEliminar
  16. Sempre, sempre para ti!
    Eu compreendo perfeitamente esse estado de espírito. Mas para tomar decisões certas, precisamos ter consciência que nada do que foi escrito por nós volta. Tudo apaga-se e nada resta a não ser pequenas memórias de um prazer em comunicar, escrever, relacionar.
    Felizmente cá estás!

    ResponderEliminar
  17. Very good to find out. Im pretty sure this article has
    been of great usage to visitors, it's a totally solid post on "We'll Always Have... Blogosfera...".
    Also see my website :: female Enhancement

    ResponderEliminar

Aqui não há censura...