quarta-feira, 2 de abril de 2014

O dia em que ganhei a maior corrida de todos os tempos...

Ainda pedalava há relativamente pouco tempo quando me decidi a aventurar numa ida à Senhora da Graça, etapa mítica na Volta a Portugal em bicicleta, saímos de casa bem cedo, eu e o Moreno e pedalamos até lá. Estava tanto vento que mal conseguia pedalar e já cheguei mais que cansada ao primeiro metro de subida da imponente montanha que nos esperava, a minha preparação era praticamente nula e as bicicletas eram de monte, o que não ajudava nada. Eu pedalava uns metros e parava para descansar, a subida nunca mais acabava, uma curva, outra curva e mais subida, aqueles km pareciam intermináveis. Quando íamos mais ou menos a meio da montanha e da grande subida começamos a ouvir uns barulhos estranhos, pareciam ambulâncias e o Moreno espreitou lá para baixo, era uma corrida de ciclismo, ele começou a pressionar-me e a gritar que eu tinha que pedalar, que vinha ali a corrida, que eram profissionais, que não nos podíamos encostar ali, "pedala", já se vê o carro vassoira e lá pedalava eu, com o coração a mil, a respiração no máximo sem olhar para trás, só a ouvir o Moreno e quase a morrer quando vejo o topo, a meta e as pessoas que estavam à espera da corrida e atrás de mim vinham os profissionais e eu ali, mesmo à frente deles passei a linha da meta e começaram todos a aplaudir-me e a dizer-me que eu era a maior e os profissionais logo ali, passaram a meta na minha roda e eu fui a maior e assim ganhei a maior corrida de todos os tempos. Uns dias depois um amigo arranjou-me o jersey daquela corrida e guardo-o com muito orgulho. Agora, que pedalo há uns anos e que sou mais informada sei que esta corrida se realizará novamente, como acontece anualmente dentro de poucos dias e estou a pensar ir lá, só não sei se consigo ganhar outra vez.

9 comentários:

  1. Grande "campiona"! Volta e boa sorte !!!
    Beijinho

    ResponderEliminar
  2. Muito giro =)
    Oh consegues, claro. Agora tens bastante preparação e apesar de não treinares propriamente ali, já tens uma grande bagagens de treinos noutros locais =)

    Beijocas

    ResponderEliminar
  3. Se não tentares nunca vais saber. Vai Loira, vai!!

    ResponderEliminar
  4. Deve ter sido engraçado sim.
    Uma vez, numa prova no Alentejo, devo ter sido quase o último a chegar, sendo que as duas pessoas que vinham atrás de mim, tinham mais de 50 anos...
    Isto foi há quase 7 anos :-)
    Hoje até os comia a todos ahahaha

    ResponderEliminar
  5. Vai lá, mostra-lhe quem sabe pepdalar :)

    ResponderEliminar
  6. Loira vens para os meus lados ;-p eu adoro a vista da sra da graça, mas nunca me aventurei a ir lá de bina,quem sabe um dia!

    ResponderEliminar

Aqui não há censura...