quinta-feira, 17 de junho de 2010

As versões da Loira é que estão a dar - 2

Versão António Variações:


"Tu estás livre e eu estou livre
E há uma noite para passar
Porque não vamos unidos
Porque não vamos ficar
Na aventura dos sentidos"



Versão da Loira:


"Tu estás livre e eu estou livre
E há uma noite para passar
Porque não vamos foder
Porque não vamos suar
Até o amanhecer"

53 comentários:

  1. Sem querer parecer ofensivo, e tal, mas achei a rima assim um bocado desconchavada, oh loira.

    Quando anadava na 4ª classe fazia melhor, foda-se.

    ResponderEliminar
  2. se calhar, a anterior não foi a "closest thing to crazy I have ever been" ;)

    ResponderEliminar
  3. Tu estás livre e eu estou livre
    E há uma noite para passar
    Vem ter comigo e eu contigo
    uma queca vamos dar LOLOL
    Beijos

    ResponderEliminar
  4. Ainda vais ser tu que vais escrever os votos do meu casamento... Isto se eu casar claro :)

    Brilhante

    ResponderEliminar
  5. Alguém, será que agradeço?

    Agradeço.

    Beijinhos minha querida.

    ResponderEliminar
  6. Bock, sem querer parecer ofensiva, e tal, mas se escreves assim coisas tão boas, porque não fazes um blog?

    ResponderEliminar
  7. António, secalhar não.

    Provavelmente tenho muita mais loucura para distribuir pelo mundo.

    ResponderEliminar
  8. Vítor Estrada,

    Estou a gostar, o menino não comentava mas agora ninguém o para.

    Aquele "LOLOL" ficou ali mal.

    Beijo

    ResponderEliminar
  9. Cláudia, mas não esperava outra coisa de ti, senão a de me dar a responsabilidade de escrever os ditos votos. Quem é a madrinha? Quem é?

    ResponderEliminar
  10. Longe de mim, oh loira, publicar o que quer que fosse que escrevesse. Sou tímido, eu. e envergonhado. Muito.

    Seja como for, a questão fulcral é só uma: fazes muito melhor.

    Lá porque te lembraste de uma rima com umas caralhadas caralhadas isso não devia ser suficiente para a publicares.
    É desconchavada, prontos. e se não tivesse já lido muito melhor que aquilo saído dessa cabecinha oxigenada (só por fora, acho eu, mas posso estar redondaminete enganado), nem teria dito nada. Não sou de troçar das pessoas com malícia ou de fazer críticas destrutivas por dá-cá-aquela-palha, pá. Dá-cá-mas-é-a-perna-pá.

    E - olha o caralho! - sabes lá tu se eu tenho ou não tenho um blogue!?

    ResponderEliminar
  11. Ai Bock, que trabalheira me vais dar agora para te responder.

    Tímido? Envergonhado? Vai Gozar...


    Vamos deixar de lado a questão de achares a minha rima desconchavada e de achares que o facto de eu até gostar dela não é suficiente para a publicar, senão teria que te responder: O BLOG É MEU.

    Vamos concentrar-nos no que realmente é importante, que são 2 pontos:

    1. Se tu tens um blog e não me dizes nada, tá tudo fodido entre nós.

    2. Estava a ler aquelas explicações todas e só me ocorria uma conclusão: Este gajo adora-me.

    ResponderEliminar
  12. Ora bem, na ideia teórica parece-me muito bem... e na prática ainda mais...

    Claro está, não considerando o convite à minha pessoa e vice-versa :P

    ResponderEliminar
  13. Louise, longe de mim fazer convites. :D

    ResponderEliminar
  14. Cada vez gosto mais de cá vir :)

    ResponderEliminar
  15. Foda-se, já não se pode ter um arremedo de consciência e tentar ser simpático para tentar corrigir um comentário que pode eventualmente ser interpretado como mais antipático do que aquilo que pretendeu ser, com uma gaja, que ficam logo convencidas que as veneram.

    Não sem antes terem - claro -manifestações de 'possessivismo' completamente primárias.

    Janadas do caralho, pá.

    ResponderEliminar
  16. O LOLOL é parte da minha loucura também!!!
    Ou achas que só tu és louca para querer suar? :p
    Venham mais!!!
    Bjs

    ResponderEliminar
  17. Borboleta,

    Muito obrigado querida. Beijinho.

    ResponderEliminar
  18. Bock,

    Não vale a pena disfarçares, as pessoas já perceberam. Tu Adoras-me.

    ResponderEliminar
  19. Ouvi hoje de manha na Cidade Fm, o dia ficou logo com outro animo!

    ResponderEliminar
  20. Vitor Estrada,

    Eu acho que toda a gente quer suar, não é necessáriamente obrigatório ser louco para isso.

    Sim, estão mais a caminho, ou não.

    Beijo.

    ResponderEliminar
  21. Borboleta, nem sabes o alívio que é saber uma coisa dessas. Finalmente.

    ResponderEliminar
  22. ahaha doida!tá muito giro ;) ui ui

    ResponderEliminar
  23. estas tuas versões fariam sucesso...

    ResponderEliminar
  24. AHAHAHAHAHAH muito boa esta versão.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  25. hehehehe! a tua versão está demais! xD Em vez de antonio variaçoes, sera loira contradições? loool :D

    ResponderEliminar
  26. Pegando noutro tema popular, era "Toda a noite catrapumba" eheheh

    ResponderEliminar
  27. cada uma melhor que a anterior força loira temos esperança que ainda leves alguma canção ao festival da eurovisao.. (pelo menos as tuas quadras tem humor no sao lamechas) go loira go

    ResponderEliminar
  28. "Seja como for, a questão fulcral é só uma: fazes muito melhor"

    AAHAHAHAHAHAHAHAHA

    não, espera, há melhor

    "É desconchavada, prontos. e se não tivesse já lido muito melhor que aquilo saído dessa cabecinha oxigenada (só por fora, acho eu, mas posso estar redondaminete enganado)"

    AHAHAHAHAHAHA

    (estou quase a dizer LOL neste blogue de merda)

    ó bock, seu rabeta inveterado, senão te soubesse tão apreciador do marfim dos jogadores da selecção da costa, era gaja para pensar que andas a ver se fazes a folha à vera.

    ahahahahahahaha

    já valeu a pena ter cá vindo.

    ResponderEliminar
  29. Pá, oh Filimpinha, se me sabes tão apreciador do corno do meio dos marfinenses futebolistas, e de como anseio desesperadamente por ter um (um, ou mais) daqueles armários de ébano a pesar-me sobre os costados de forma reiterada, então porque é que pensas em tamanhos disparates?
    Além disso, isso de fazer a folha, na minha cartilha, é limpar o sebo, tás a ver? Não estás por acaso a sugerir que eu quero fazer mal a alguém, pois não?
    Que cena mais absurda.
    Vera, esse adorar com maiúscula ficou-te bem, teve a sua graça, mas assim, adorar, adorar, a única coisa que acho que adorava era que me assobiasses a discografia toda, vá lá, como pelos vistos parece que pego de empurrão, dos Modern Talking, na vuvuzela.
    Digo e repito: cambada de janadas, pá.

    ResponderEliminar
  30. O melhor do teu blog são os comentários. :'D

    ResponderEliminar
  31. a Gaja,

    também acho que sim, um sucesso incrível, acho indecente que ainda ninguém me tenha contratado.

    ResponderEliminar
  32. Eu próprio, Loira contradições pareceu-me tão bem.

    ResponderEliminar
  33. Fofinho, voltaste. Tive que te ir "chupar", mas valeu a pena.

    ResponderEliminar
  34. Avogi, acho que com este estilo não vou ao festival da canção, ainda era expulsa por mau comportamento. Beijinhos.

    ResponderEliminar
  35. Pipinha,

    Só um aparte, vale sempre a pena cá vir, nem que seja para dizer disparates, aliás, não há nenhum blog em que te deixem dizer tantos como neste.

    ResponderEliminar
  36. Bock,

    Eu sou gaja para assobiar, assobio tudo o que pedires, mas na vuvuzela não. A única ideia que me ocorre quando vejo uma vuvuzela é fazer um exame à próstata de quem a tem.

    Pensa nisso, ou o assobio, ou o exame à prostata.

    ResponderEliminar
  37. Abonado,

    Até que enfim que concordamos em alguma coisa. Vais ver a série de post's que aí vem.

    ResponderEliminar
  38. A julgar pela douta opinião da Pipinha, até era gajo para preferir um exame a próstata em detrimento de uma boa assopradela na vuvuzela, pázinha...

    gonçalves, não sei quem sejas, mas uma coisa é certa: muitos blogues têm mais vida nas caixas de comentários do que nos posts propriamente ditos!

    E, Vera, sim, há sítios onde se alarva mais do que neste. Muito mais.

    Aliás, ousaria mesmo dizer que isto aqui é para meninos.

    Aliás 2, só num blogue para meninos é que aparece gente com nicks tão imbecis como Gonçalves, o abonado, tá-se mesmo a ver que de abonado deve ter pouco ou nada...

    ResponderEliminar
  39. De facto, a minha caixa de comentário é fantástica.

    ResponderEliminar
  40. Não sei se graças a ti, se graças aos teus ilustríssimos comentadores*, mas lá que tem os seus momentos, lá isso tem, loira.


    *excepção seja feita para certos e determinados indivíduos que necessitam de proclamar aos 4 ventos os seus abonos, num claro, demagógico, egocêntrico e narcicista exercício de hiperbolização do Eu. Do ele, foda-se.

    ResponderEliminar
  41. Simplesmente... Maluca!!

    Gostei!! Por acaso estava a pensar no mesmo... loool

    ResponderEliminar
  42. Bock, sabes que tenho um encanto natural por isso é que vêem cá ter ilustríssimos comentadores. Portanto é graças a mim e a eles.

    ResponderEliminar
  43. Zézinho, sabes que tudo o que vem desta cabecinha é assim para o Maluco.

    Beijo

    ResponderEliminar
  44. poderei depreender das tuas palavras que, quando te referes ao teu "encanto natural", estás a querer dizer que não tens maminhas de silicone?

    ResponderEliminar
  45. Bock, há dias em que vocês me dão uma trabalheira que nem sei. Uma gaja tem que explicar tudo. Claro que não naturais, tudo em mim é natural, não percebem nada.

    ResponderEliminar
  46. não?
    ou são?

    gralha ou a boca a descair para a verdade.

    Não te explicas bem, pá.

    Olha, por falar na boca a descair... ahhh... hum.... nada, esquece.

    ResponderEliminar
  47. São naturais Bock, São.

    Já esqueci, Bock

    ResponderEliminar
  48. Mas é claro que são.
    O meu mal é ser uma espécie de S. Tomé espanholado: Mexer para crer.

    ResponderEliminar
  49. Bock, S. Tomé espanholado foi lindo, acredita.

    ResponderEliminar

Aqui não há censura...