quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Do amor. Ou, da falta de ocupação (ainda não sei muito bem)

Desde que o meu pai teve um grave problema de saúde, em 2009 que os médicos o proibíram de trabalhar e fazer grandes esforços. Coisa que não é muito bem aceite por ele, por exemplo, aposta comigo que anda mais de bicicleta que eu, um dia destes levo-o para a pista e deixo-o ganhar, como se faz aos putos. Como ele adora animais, hortas, árvores de fruto e tudo o mais eu costumo dizer-lhe que quando me sair o euromilhões lhe compro uma grande quinta, só para ele ter o que fazer, mas por enquanto a coisa mais acessível é criar-lhe uma conta no facebook. Aqui há uns dias diz-me que anda a fazer uma coisa para mim, mas ainda não me pode mostrar. Ontem ao jantar:
Pai: - Tens passado lá atrás?
Loira: - Não, porquê?
Pai: - Ando a fazer aquilo...
Confesso que quando olhei para "aquilo" não me apercebi sequer do que é, mas supostamente anda a fazer um berço para o futuro neto (que tem, obrigatoriamente de ser meu filho).

Antes que perguntem, não, não estou grávida, nem coisa que se pareça.

33 comentários:

  1. Estás a ser coagida de forma leve para assegurares a descendência da família...É...ser filha única é tramado..

    ResponderEliminar
  2. bem como gosta de hortas, tem o farmville no face.lol


    mas ve a coisa pelo lado positivo, pelo menos o berço ja tens.lol


    ps: na sei se tens ido ao estamine ultimamente, tenho la posts interessantes , se quiseres passa por la e diz algo

    ResponderEliminar
  3. Ohhhhhhhhhhh Tão querido :)

    Ao menos andas distraído... (será alguma indirecta? )

    Beijinho minha linda

    ResponderEliminar
  4. O teu pai está a dar-te um "recado" de uma forma delicada, mas muito directa...não?

    ResponderEliminar
  5. loooool
    Reproduz-te loira, reproduz-te xD

    ResponderEliminar
  6. Eu também sou filha única e levo sempre achegas da minha mãe quando vamos ao shopping e ela delira com roupa para bebés... E sou novinha!

    ResponderEliminar
  7. o que mais gosto de ler que escreves, desde que te leio, sã os teus textos sobre tu e o teu pai.
    são absolutamente lindos, simples, maravilhosos, como um favo de mel aos meus olhos.
    beijo muito grande para ti e para o teu Pai.

    ResponderEliminar
  8. que querido o teu PAI !!! está mesmo a precisar de um neto ehehe. Acredita que "rejuvenesce" !!

    ResponderEliminar
  9. acho que o teu pai te anda a mandar indirectas lolol
    bjs*

    ResponderEliminar
  10. Espectáculo!!

    um berço?? amei....
    pensei mesmo que estivesses gravida!! :p


    xoxo*

    ResponderEliminar
  11. Só me sai um Ohhhhh.

    Vai treinando! ;)

    ResponderEliminar
  12. Hehe...a vontade de ser vôvo é grande :)

    ResponderEliminar
  13. olha que isso é uma indirecta bem directa! :p

    Acho que ele quer ser avô...!

    ResponderEliminar
  14. ...e o que tem de ser tem muita força!
    Bjs na Loira e no pai dela!!!

    ResponderEliminar
  15. um berço para o farmaville? não tenho! também quero!

    ResponderEliminar
  16. É um homem com "H" enorme! :)

    beijo
    Sutra

    ResponderEliminar
  17. ahahaha! a pôr pressão na filha! parece a minha mãe :D

    ResponderEliminar
  18. Pensa pelo lado positivo da coisa! Começas a treinar na virtualidade! ;)

    Beijo

    ResponderEliminar
  19. s calhar tá na hora d lh dar um netinho xD

    ResponderEliminar
  20. Um presente com um grande valor sentimental... e parece-me a mim, com algo implicito..

    beijinhos

    ResponderEliminar
  21. Muito bonito! Só mesmo de um pai que ame muito a sua filha! Querer que um neto (sangue dele e teu) durma num berço feito por ele! :)))

    ResponderEliminar
  22. ai loira queres ver que agora o teu papá quer um pequenino para andar a embalar no colo! hahahha beijos

    ResponderEliminar
  23. LOLOL um berço?? que amoroso o teu pai :) tens um grande pai!


    beijo

    ResponderEliminar
  24. Pessoal, não batam mais no ceguinho. Eu vou tratar disso... Risos...


    Inêzita,
    Ser filha única é mesmo tramado.


    João,
    E adivinha, quando der um neto ao meu pai, vai ser um Joãozinho ;)


    Beijos a todos, o meu agradece a força que lhe deram e não, o berço não é virtual, é mesmo real.

    ResponderEliminar
  25. LOL! Esse é um presente que eu não queria receber para já! Mas olha, se ele se sente bem e se distrai que assim seja:) Beijos

    ResponderEliminar
  26. Oh isso é muito fofinho da parte do teu pai! Lá em casa ainda temos o berço onde a minha mamã dormia, feito pelo meu avô, uma reliquia... bjs

    ResponderEliminar
  27. Su,
    Ele é um Fofo, o meu pai.


    Poetic Girl,
    Sério? Isso é tão fixe. Adorei.

    ResponderEliminar
  28. Tão querido o teu pai =)
    Quer netinhos!!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  29. Paulinha,
    O meu Pai é a minha paixão.

    ResponderEliminar

Aqui não há censura...